teatro de rua, palhaços, animações de aniversários infantis, montagem de espetáculos, oficinas, assessoria cultural, palestras, produção de eventos e muito mais.

10 de maio de 2017

Acreditar e ousar são ingredientes usados na caminhada que dura 24 anos

J. Rhuann e Berg Bezerra - únicos ativos desde 1993
A Cia. Ciranduís, assim como qualquer grupo cultural de jovens, iniciou suas atividades em 1993, ousou existir e com a atitude de uma base sólida consegue atingir a marca de 24 anos em seu melhor estilo.

Durante sua trajetória, os projetos desenvolvidos e prêmios conquistados, chegam a momentos oportunos onde às ações se somam a uma grandeza que nenhuma palavra decifra o fato do existir no meio do sertão potiguar.

Várias gerações chegaram, passaram!  Ficaram marcas, histórico... Quando partiram, foram em busca de novos horizontes, cabendo sempre à responsabilidade da “base sólida” segurar o trabalho e se reinventar.

Em pleno momento de declínio, crise nacional, a Cia. Ciranduís desenvolve o Projeto Fazendo Escambo, onde fará pelo menos 40 intervenções com oportunidade de trocar experiências com os mais variados setores da sociedade.

A equipe está menor, porém, a experiência da base muito maior onde acumula uma vivência diferenciada; Assim, esta refazendo mais um processo de formação que envolve comprometimento, atitude e credibilidade.

Gratidão a todos que se somaram nessa caminhada e principalmente ao povo de Janduís, por acolher tão bem, um dos únicos grupos culturais que desafiou a si mesmo e ainda resiste às intempéries do tempo. Avante!

Por Berg Bezerra.
Integrante da Cia. Ciranduís


Nenhum comentário: